É um fato que a crescente onda de crimes violentos e contra o patrimônio é um problema de longa data no Brasil. A sociedade civil e o Poder Público precisam se preocupar com essas questões que geram perda econômica, e em última instância, podem até tirar a vida de um ser humano.

Com a retomada econômica pós-pandemia, os comércios tendem a se encher de pessoas, e aumentando o fluxo de clientes, aumentam também as chances de que delitos aconteçam. Dessa forma, é preciso estar atento e vigilante.

Com isso em mente, criamos um conteúdo exclusivo para que você compreenda como aumentar o nível de segurança em lojas de varejo, de modo a proteger a si próprio e aos seus clientes. Confira!

Cultura de prevenção de crimes

Com o mercado se tornando cada vez mais competitivo, as empresas precisam se adaptar e contam com uma margem menor para cometer erros. Essa é a razão pela qual o compliance está se tornando uma realidade até mesmo em pequenos negócios.

Isso significa a implementação de políticas e a criação de uma cultura de fazer a coisa certa, ou seja, nada mais do que criar maneiras de garantir que todos os colaboradores sigam um padrão em determinada área, e esse comportamento é fundamental para aumentar o nível de segurança no varejo.

Isso significa criar mecanismos de identificação e combate de delitos dentro do estabelecimento, e que devem ser seguidos por todos. Mas atenção, isso não significa discriminar os clientes, pois esse já é um crime mais grave ainda, mas aprender a identificar atitudes suspeitas e reportá-las imediatamente.

Além do mais, é preciso ter em mente quais são as medidas a serem tomadas caso essas situações venham a acontecer. Esse pensamento não diz respeito apenas aos clientes, mas aos próprios colaboradores.

É claro que você precisa confiar em quem está tocando o seu negócio na linha de frente, no entanto, pessoas de má índole estão em todos os lugares, e precisam ser retiradas o quanto antes. Não fazer nada, na verdade, incentiva os delitos a continuarem ocorrendo!

Equipamentos de segurança

A tecnologia está a serviço da segurança, e é fundamental contar com ela para elaborar estratégias sólidas dentro da sua loja de varejo.

Câmeras, por exemplo, são fundamentais para o monitoramento em tempo real e gravação de situações que possam ser contestadas futuramente. É preciso ter em mente que ela te protege da ação de criminosos, e até mesmo de processos caso essas pessoas tentem criar uma história falsa para validar o crime que cometeram.

Tenha em mente que um circuito de câmeras é algo que precisa ser projetado por especialistas para garantir a sua eficácia. Venha conhecer mais sobre o nosso serviço!

Outro equipamento muito utilizado e que possui grande eficácia, são as etiquetas / tags eletrônicas. Sem o equipamento correto, são praticamente impossíveis de serem retiradas, e caso alguém tente sair da loja com uma peça, os alarmes são disparados e é possível agir automaticamente.

Para produtos de maior valor é recomendado, inclusive, os cadeados eletrônicos, que são extremamente comuns para os eletrônicos expostos até mesmo dentro de shopping center. Eles exigem uma combinação digital para serem destravados, de modo que o furto é altamente improvável.

Vigilantes especializados em lojas de varejo

Os vigilantes são fundamentais para completar o esquema de segurança em uma loja de varejo. Não basta identificar crimes, é preciso ter mecanismos para combatê-lo ativamente caso isso aconteça.

Quando não há uma equipe especializada para isso, o proprietário pode se meter em sérios apuros. Um vigilante sabe as suas atribuições e até mesmo restrições quanto à sua atuação. Por exemplo, identifica uma tentativa de furto com muito mais assertividade do que um leigo, justamente pela sua vasta experiência.

Tenha em mente que reagir a assaltos é extremamente arriscado, e a maior causa de latrocínios no país. Apenas um profissional treinado sabe identificar quando a reação é, de fato, possível e desejável.

Paralelamente, é o profissional que se especializa nisso. Ele não possui outras atribuições que possam distraí-lo da sua função, e atenção é a palavra-chave quando buscamos aumentar o nível de segurança em um estabelecimento.

Escolta de cargas e segurança em lojas de varejo

De acordo com a Associação Nacional do Transporte de Cargas e Logística (NTC&Logística), no ano de 2020 foram registradas mais de 14 mil ocorrências de roubo de cargas nas estradas brasileiras. São praticamente 3 cargas levadas a cada 2 horas!

E não se engane: isso acontece em todas as etapas do processo logístico, seja dos fornecedores para as lojas, ou das lojas para a casa dos clientes. A chance é significativamente maior, quanto maior for o valor dos bens que estão sendo transportados.

Quando falamos em varejo, os alvos favoritos dos bandidos são os eletrônicos e eletrodomésticos, quando o caminhão todo não é levado. Dessa maneira, a escolta de cargas é fundamental para garantir que tudo chegue ao seu destino da maneira correta.

Muitas empresas não pensam nisso, pois acreditam que o custo da escolta gera muito impacto no frete, e isso não é verdade. Paralelamente, é preciso pensar na experiência do cliente.

Se a sua compra é perdida no meio do caminho, ele precisa esperar por mais tempo, e independente da razão, sentirá um impacto negativo em relação a sua marca. Em algumas regiões do país, para determinados bens, é recomendado inclusive que seja uma escolta armada blindada. Tudo depende das suas necessidades e nível de segurança desejado.

Empresa de Segurança Patrimonial

Fazer a segurança de um estabelecimento de varejo não é uma tarefa simples. Existem muitos produtos e é praticamente impossível que os seus colaboradores consigam ficar de olho em tudo enquanto recebem os clientes.

É fundamental ter profissionais dedicados circulando por entre os clientes, observando cada ponto, com equipamentos estrategicamente posicionados, aliados a uma cultura de tolerância zero aos crimes contra o patrimônio.

O Grupo Macor é especializado em segurança patrimonial, contando com sistemas personalizados e serviços sob demanda para atender exatamente às suas necessidades. Entre em contato para tirar todas as suas dúvidas e solicite um orçamento: https://www.macor.com.br/seguranca-patrimonial/

Post anterior
Plano de contingência: o que é e para que serve?
Próximo post
Segurança Pessoal (Particular): O que é e quando contratar
Nenhum resultado encontrado.
Menu