Escolta Armada

Roubo de carga no Brasil: uma visão geral do problema

A falta de segurança nas estradas e rodovias do país é uma realidade que traz preocupação para o setor de transporte de cargas. Percebe-se a ausência de policiamento suficiente, o que gera facilidade na atuação de quadrilhas organizadas, gerando prejuízos para as empresas.

De acordo com um estudo do Reino Unido, entre os 57 países analisados, o Brasil aparece em 7º lugar no ranking de roubo de cargas. Assim, 90% dos casos da América do Sul estão concentrados em território brasileiro, com base no BSI Supply Chain Services and Solutions.

Para se ter uma visão geral do problema, acompanhe os dados trazidos sobre o tema e saiba como evitar os prejuízos em sua empresa!

Quais os principais alvos de roubo de carga no Brasil?

Com base em dados da Associação Nacional do Transporte de Cargas e Logística (NTC), o ano de 2018 foi marcado pelo prejuízo em R$ 2 bilhões em roubo de cargas.

Neste cenário, os principais alvos são os setores alimentícios, eletrônicos, cigarro, materiais químicos e farmacêuticos.

Assim, nota-se que os criminosos visam produtos de alta liquidez e valor agregado, o que gera ainda mais impactos às finanças das empresas.

Como ocorre o roubo de carga no Brasil?

O processo de roubo de cargas no Brasil ocorre a partir de informações que os criminosos obtêm, seja das principais vias com tráfego de caminhões e cargas, ou até mesmo a partir de informações sigilosas que são vazadas nas empresas. 

Neste momento, é feito um planejamento cauteloso para interceptar o veículo que, na maioria dos casos, acontece nas estradas. No entanto, as estatísticas também mostram roubo de cargas dentro das cidades, indicando uma necessidade ainda maior de proteção para a frota.

Normalmente, os criminosos abordam o motorista, fazendo-o refém, transferem a carga para outro veículo e, ao final da ação, entregam aos atravessadores.

Vale considerar ainda que o Brasil é o país com maior número de transporte em carga, sendo 61% da sua produção transportada pelas rodovias e estradas. A região Sudeste é a que mais sofre com este problema, já que possui a maior quantidade de registros acerca deste crime.

O que tem sido feito para evitar o roubo de carga no Brasil?

Uma das principais ações para conter o roubo de cargas no Brasil é a contratação de equipes de escoltas armadas e rastreamento da carga, que contribuem para sanar o problema e garantir maior segurança e eficácia para o transporte de cargas no país.

Existem também soluções em monitoramento da frota que mantém o veículo conectado à central em tempo real, facilitando o acompanhamento das atividades da frota. Assim, qualquer parada feita de forma não programada pode ser detectada e o contato com as autoridades e a pronta-resposta se torna mais fácil e ágil.

Com isso, além da frota, o profissional que trabalha transportando os produtos também é beneficiado com as soluções, visto que o seu bem-estar e segurança são levados em conta nesse processo.

Esse tipo de sistema emite alertas automaticamente, sem que seja necessário o acionamento manual do profissional.

Além disso, ferramentas de roteirização também são favoráveis para conter as atividades criminosas nas estradas, pois se evita que o motorista passe por vias com alto grau de perigo.

A ideia é instituir rotas otimizadas, considerando custo-benefício, seguranças e outras informações relevantes para a companhia, de modo que tanto a empresa, quanto o motorista sejam beneficiados com as medidas adotadas.

Como as empresas de segurança ajudam nesse processo?

Contar com a expertise de uma empresa de segurança, para lidar com este cenário é essencial, visto que a companhia apresenta capacitação para os profissionais, tecnologias eficazes e otimizadas, entre outras soluções que intensificam a proteção das frotas.

É importante ressaltar que também é necessário haver um investimento maior em segurança pública, unindo as estratégias e diminuindo os índices alarmantes de criminalidade nas rodovias do país.

Dessa forma, empresas privadas e governo devem atuar em conjunto para erradicar o roubo de carga no Brasil.

Além disso, é importante destacar também que é preciso atuar com legislações mais rigorosas, visando punir os criminosos, de maneira mais efetiva.

Contrate a Macor: a maior empresa de escolta armada do Brasil

A Macor Segurança oferece diversas soluções para garantir a proteção das frotas e cargas de sua empresa. A maior empresa de escolta armada do Brasil conta com Tecnologia especializada, com Central de monitoramento 24h.

É possível ainda contar com a Trava Macor e rastreadores com tecnologia de ponta para combater os crimes nas estradas, com excelência reconhecida no mercado.

A Macor Segurança já é referência no setor, principalmente em se tratando da produção própria de seus produtos.

Com a Macor, você conta com escolta armada, segurança patrimonial e pessoal, ferramentas diversas de portaria e controle de acesso, rastreamento veicular e ainda o serviço de facilities.

Estamos prontos para atender a sua demanda em qualquer situação de urgência e emergência.

Se você deseja maior segurança e eficácia no transporte de cargas em sua empresa, entre em contato agora mesmo, conheça as nossas soluções e solicite um orçamento conosco!

Post anterior
Vizinhança colaborativa: conheça a iniciativa de segurança entre moradores do mesmo bairro
Próximo post
Plano de contingência: o que é e para que serve?
Nenhum resultado encontrado.
Menu